Janot arquiva denúncia contra Goergen e mais quatro deputados do PP

por Pedro Niácome, 05/09/2017 às 21:29 em Política

O procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, arquivou a denúncia contra o deputado federal Jerônimo Goergen e outros quatro parlamentares do Partido Progressista. Janot havia apresentado denúncia contra 12 políticos do Partido Progressista (PP), na investigação do chamado "quadrilhão". O inquérito foi remetido ao Supremo Tribunal Federal (STF) na última sexta-feira (1º), mas o acesso ao conteúdo só foi liberado nesta terça-feira (5). 

Entre os denunciados está o deputado gaúcho José Otávio Germano; o líder do governo na Câmara, Aguinaldo Ribeiro (PB), e o senador e presidente nacional do PP, Ciro Nogueira Filho (PI). Todos responderão por organização criminosa.

Outros cinco políticos gaúchos do PP foram investigados no "quadrilhão". No entanto, Janot não encontrou elementos que comprovassem a participação deles em irregularidades, e arquivou os casos dos deputados federais Jerônimo Goergen, Afonso Hamm, Luiz Carlos Heinze, e Renato Molling, além do ex-deputado Vilson Covatti.

Através de nota, o palmeirense diz que recebe o arquivamento com tranquilidade, ressaltando que a verdade foi posta em prática. Confira.

Repondo a verdade

Depois de mais de dois anos e meio de investigações, recebo com muita tranquilidade o arquivamento da denúncia referente ao Inquérito nº 3.989, referente ao “inquérito mãe” da Lava Jato. Não poderia ser diferente, uma vez que a minha vida sempre foi pautada pela ética e correção. Ingressei na vida pública para fazer a diferença e praticar a boa política. O arquivamento da denúncia por parte do Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, repõe a verdade e a lisura de minha vida pública. 

É importante ressaltar que fui alvo de uma ampla investigação por parte das autoridades competentes. Ao longo de todo esse processo, passei por uma verdadeira devassa de ordem pessoal e política, sempre me colocando à disposição dos investigadores. Consegui provar minha inocência da acusação de integrar um esquema criminoso de desvios de recursos públicos. Seguirei me colocando à disposição da PGR para quaisquer novos esclarecimentos. Aos meus familiares, amigos e eleitores, fica o agradecimento por sempre terem confiado em mim.   

Foto: Divulgação/Apolos Neto

Tags:   arquivamento   denuncia   rodrigo-janot   jeronimo-goergen   pp



 

Tribuna da Produção

- O conteúdo faz a diferença - 

Desenvolvido por:

Ligue Site