Comércio fecha às portas e adere à paralisação dos caminhoneiros

por Pedro Niácome, 09/08/2017 às 14:04 em Geral

Após completar uma semana de paralisação, o movimento dos caminhoneiros contra a alta dos impostos conquistou nesta quarta-feira o apoio de entidades e de parte da população em Palmeira das Missões. 

O ato teve início no largo Alfredo Westphalen e seguiu sentido trevo de acesso a ERS 569/BR 468. Boa parte do comércio aderiu ao protesto, que ficou fechado por duas horas. As repartições públicas decretaram ponto facultativo. Várias autoridades se manifestaram em apoio a mobilização que começou no último dia 31 de julho, contra o aumento do imposto Pis/Cofins, que elevou o preço dos combustíveis.

A via ficou interditada por cerca de 1h30 hora, sendo liberada no início da tarde. A previsão é de que a paralisação continue pelos próximos dias.

Apoiaram o manifesto o Sindicato Rural, CAT, Acaip, Sindilojas, CDL, Ufsm, Cpers, CTB, Sindsaúde, Grupo a Voz do Povo, Prefeitura Municipal e Câmara Municipal.

Mais detalhes na edição impressa da próxima sexta-feira (11). 

Fotos: Pedro Niácome/TP

Tags:   protesto   caminhoneiros   palmeira-das-missoes   comercio   entidades



 

Tribuna da Produção

- O conteúdo faz a diferença - 

Desenvolvido por:

Ligue Site