Aumenta a procura por água mineral em Santa Maria após confirmação de surto de toxoplasmose

por Pedro Niácome, 20/04/2018 às 10:29 em Geral

Confira a causa e os sintomas da doença

Após a Secretaria da Saúde do Rio Grande do Sul confirmar na quinta-feira (19) que Santa Maria enfrenta um surto de toxoplasmose, a procura por água mineral aumentou na cidade. Alguns supermercados começaram a ter falta do produto e distribuidoras tiveram que encomendar mais fardos às indústrias, já que algumas ficaram sem estoque na tarde de quinta. 

A Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) garante que a água da cidade não está contaminada. Exames são feitos a cada hora nos cinco filtros de tratamento que atendem o município. A rede de distribuição também é examinada diariamente, em diferentes pontos, assegura o órgão.

Mesmo assim, até que a origem do surto seja identificada, a orientação das autoridades de saúde é ferver a água que sai das torneiras por pelo menos 10 minutos antes do consumo. A toxoplasmose pode ser agressiva principalmente com gestantes, crianças e pessoas com baixa imunidade.

A doença é a causa dos sintomas apresentados por mais de 100 pessoas que procuraram atendimento no período de um mês, e cuja origem não era conhecida. Ainda na quinta-feira, médicos de Santa Maria haviam tido acesso aos resultados de exames feitos nos pacientes, que apontam a ocorrência da toxoplasmose.

As causas do surto são investigadas. "Existe uma possibilidade de estar associado a uma veiculação hídrica ou alimentar. Normalmente os casos de toxoplasmose têm essas duas fontes prováveis de contaminação. Por isso, é dever do estado implementar medidas de precaução", diz a chefe da divisão de Vigilância Epidemiológica do estado, Tani Raineri.

Toxoplasmose

A toxoplasmose, cujo nome popular é doença de gato, é uma doença infecciosa causada por um protozoário chamado Toxoplasma gondii. Este protozoário é facilmente encontrado na natureza e pode causar infecção em grande número de mamíferos e pássaros no mundo todo.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Infectologia, a doença pode ocorrer pela ingestão de oocistos [onde o parasita se desenvolve] provenientes do solo, areia, latas de lixo contaminadas com fezes de gatos infectados; ingestão de carne crua e mal cozida infectada com cistos, especialmente carne de porco e carneiro; ou por intermédio de infecção transplancentária, ocorrendo em 40% dos fetos de mães que adquiriam a infecção durante a gravidez.

Sintomas 

Geralmente, a toxoplasmose é uma doença que passa desapercebida. Em alguns casos, porém, em pessoas consideradas saudáveis, podem aparecer sintomas parecidos com os da gripe, como dor de cabeça, coriza, dor no corpo, febre, fadiga e dor de garganta.

Já em pacientes com o sistema imunológico debilitado, podem surgir sintomas específicos, como problemas de coordenação, convulsões, confusões, visão turva e, em alguns casos, até mesmo infecções respiratórias, como pneumonia e tuberculose.

Em bebês, os sintomas são diferentes. Alguns podem nascer com pulmões e baço anormalmente grandes, podem sofrer também de convulsões e de amarelamento da pele e dos dentes, além de graves infecções nos olhos.

Somente uma pequena parte dos bebês que nascem com toxoplasmose demonstram sinais da doença nos primeiros dias de vida. Geralmente os sintomas só aparecem na adolescência.

Prevenção

A Sociedade Brasileira de Infectologia lista algumas medidas de prevenção:

Não ingerir carnes cruas ou malcozidas;

Comer apenas vegetais e frutas bem lavados em água corrente;

Evitar contato com fezes de gato. As gestantes, além de evitar o contato com gatos, devem submeter-se a adequado acompanhamento médico (pré-natal). Alguns países obtiveram sucesso na prevenção da contaminação intrauterina fazendo testes laboratoriais em todas as gestantes;

Em pessoas com deficiência imunológica a prevenção pode ser necessária com o uso de medicação dependendo de uma análise individual de cada caso.

G1

Foto: Reprodução/RBS TV

Tags:   toxoplasmose   santa-maria



 

Tribuna da Produção

- O conteúdo faz a diferença - 

Desenvolvido por:

Ligue Site