Gaúcho Coração: Festival terá atrações marcantes em locais históricos

11/09/2020

Nomes como Baitaca, Jorge Guedes e Gaúcho da Fronteira se apresentam no formato de lives, com arrecadação destinada para hospitais e entidades assistenciais

O Festival Gaúcho Coração entra no mês de setembro com uma agenda repleta de atrações. Idealizado pelo deputado Jerônimo Goergen (Progressistas-RS), o evento tem caráter beneficente e toda a arrecadação das apresentações é destinada para hospitais, instituições e para a retomada do turismo seguro. O projeto começou em maio e até o encerramento, previsto para o mês de outubro, devem ser realizadas cerca de 100 lives. “É um dos maiores festivais de música que já se produziu no Estado, pelos números envolvidos e o tempo de duração, com cinco meses de atividades culturais. A nossa estimativa é que sejam beneficiados diretamente cerca de 1,5 mil trabalhadores da música, entre cantores, instrumentistas, iluminadores, técnicos de som e produtores musicais. O setor de entretenimento foi um dos mais castigados durante a pandemia”, destacou o parlamentar.

Pontos turísticos e históricos integram a agenda do Festival Gaúcho Coração durante a Semana Farroupilha

Já estão confirmados artistas de renome da música tradicionalista, que se apresentam em marcos históricos do Rio Grande do Sul. É o caso de Baitaca, Jorge Guedes e Gaúcho da Fronteira. Fenômeno nacional com a música Fundo da Grota, Baitaca promete ser um show histórico, tendo com cenário as ruínas de São Miguel. Jorge Guedes também está confirmado em outra locação turística, a Catedral Angelopolitana em Santo Âgelo. Já o cantor Gaúcho da Fronteira será a grande atração da live que terá como pano de fundo o Castelo de Pedras Altas, evento que pretende arrecadar fundos para a revitalização do espaço cultural e a preservação de sua memória.

- Dia 12, a partir das 20h: Jorge Guedes & Família – Local: Catedral Angelopolitana (Santo Ângelo)

- Dia 16, a partir das 19h30: Baitaca – Local: Ruínas de São Miguel (São Miguel das Missões)

- Gaúcho da Fronteira: em fase de produção

Em razão das medidas de distanciamento social, não será permitido a presença de público nos locais das apresentações. A transmissão acontece na página oficial de cada artista no Facebook e YouTube e também em canais parceiros da produção. As apresentações ao ar livre estão sujeitas às condições climáticas. Em caso de chuva, os shows serão reagendados.

Apoio ao tradicionalismo

As lives realizadas durante a Semana Farroupilha também vão beneficiar três Centros de Tradições Gaúchas: CTG Tiarayú (Porto Alegre), CTG Pompílio Silva (Santo Augusto) e Tropeiros de Campo Santo (Coronel Bicaco).

Circuito hoteleiro

O Festival Gaúcho Coração também tem apostado na rede hoteleira gaúcha como cenários das apresentações. Diversas apresentações já tiveram como cenário o Spa do Vinho, em Bento Gonçalves. Para Jerônimo Goergen, as lives estão contribuindo para a retomada do setor de turismo e entretenimento no Rio Grande do Sul. O parlamentar entende que chegou a hora de planejar um retorno seguro para este novo momento. “Com a impossibilidade das pessoas se deslocar para grandes distâncias, temos a oportunidade de estimular os gaúchos a visitar nossos próprios destinos turísticos, que são muitos e variados. Esses grandes espetáculos musicais no formato de lives podem envolver o setor hoteleiro, onde o público possa assistir de forma segura e protegida, sem aglomeração ou qualquer tipo de risco à saúde. E vincular essas atrações a ações beneficentes que revertam em ganhos financeiros para nossas instituições”, explicou.

Agendas já confirmadas para o circuito hoteleiro e palcos históricos

Guilherme Mec – Hotel Olivas de Gramado

Lucas e Felipe – Canela Grande Hotel

Gilberto Monteiro – Parador Casa da Montanha (Cambará do Sul)

Daniel Torres - Teatro São Pedro (Porto Alegre)

Fonte: Assessoria de Imprensa Jerônimo Goergen